Produtora independente de energia, a Albioma desenvolve, com uma competência única, suas duas atividades principais: a biomassa térmica, a energia solar e a energia geotérmica

Saiba mais

Número-chave

606

Colaboradores que colocam suas habilidades a serviço do Grupo todos os dias

Saiba mais

Produtora independente de energia, a Albioma desenvolve uma perícia única nas suas dois atividades principais: a Biomassa Térmica, a Energia Solar e a Energia Geotérmica.

Descubra nossas energias

Le saviez-vous ?

Valoriser ses toits permet de lutter contre le rayonnement solaire tout en produisant de l’énergie renouvelable

En savoir plus

Cotada no mercado regulamentado da Euronext em Paris, a Albioma se compromete a colocar à disposição da comunidade financeira uma informação regular, transparente e acessível.

Espaço dos Acionistas

Nossas unidades > Guadalupe

Usina solar de Sainte-Rose

  • Tipo: Usina solar
  • Operação desde: 2019
  • Potência instalada: 3.278 MWp
  • Endereço: Centro de tratamento e recuperação de resíduos de l’Esperance, 97115 Sainte-Rose, Guadalupe

Em Guadalupe, a Albioma acelerou a implantação de sua atividade solar com a inauguração, em julho de 2019, de uma nova instalação inovadora na unidade de Sainte-Rose.

Localizada em um terreno pertencente ao centro de tratamento e recuperação de resíduos de l’Esperance, a usina solar de Sainte-Rose tem capacidade instalada de 3,278 MWp. Ela permite a produção de 4.530 MWh de energia elétrica por ano, o que equivale ao consumo de 4.200 habitantes e, portanto, impede a liberação para a atmosfera de 3.850 toneladas de CO2.

Um projeto a serviço do desenvolvimento sustentável

A construção da usina solar de Sainte-Rose faz parte do projeto Território com Energia Positiva para o Crescimento Verde (TEPCV), para o qual houve a concessão para a comunidade de aglomeração Nord Basse-Terre. Esta nova unidade, a serviço da transição energética de Guadalupe, também é equipada com baterias de íons de lítio para eliminar a intermitência da produção. Durante picos de consumo noturno, a energia armazenada ao longo do dia é assim reintroduzida no sistema interligado, o que contribui para garantir sua estabilidade.