Nossa natureza é cheia de energia

o
grupo
Números-chave
753
MW
3.605
GWh
450
experts
2.2
Mt
Potência total instalada em 2016
Quantidade total de eletricidade produzida em 2016
Número dos nossos colaboradores que, todos os dias, colocam as suas competências ao serviço do Grupo para produzir uma energia mais limpa e mais eficaz
Quantidade de bagaço valorizado em 2016, uma grande quantitade suficiente para encher 7 vezes em Stade de France!

A nossa iniciativa responsável

A responsabilidade social e ambiental, um valor essencial do Grupo: compromissos fortes para dar sentido ao nosso crescimento

Proteger e desenvolver o capital humano da empresa

Os homens e as mulheres da Albioma são a sua principal força. Cerca de 330 colaboradores exercem as suas competências ao serviço do Grupo para produzir uma energia mais limpa e mais eficaz. E, porque a tecnicidade das nossas atividades exigem dos nossos funcionários uma forte perícia e uma mobilização permanente, nós nos comprometemos perante eles a investir na sua segurança, promovendo a diversidade e favorecendo o diálogo social de qualidade.

 

Objetivo zero acidentes

A segurança é uma prioridade absoluta para o conjunto dos funcionários do Grupo. Seguimos, com a maior atenção, a evolução da taxa de frequência e da taxa de gravidade dos acidentes no conjunto das nossas usinas, e implementamos programas de formação e de sensibilização, de diagnóstico e de prevenção, de controle e de auditoria, com dois objetivos simples: 0 acidentes e 100% dos funcionários formados em segurança.

 

Compromissos fortes no que toca aos temas da formação, da diversidade e do diálogo social

Nós nos comprometemos a propor programas completos de formação para permitir que cada um possa desenvolver e adaptar da melhor forma as suas competências. O nível de formação é objeto de um acompanhamento regular. Nosso objetivo: fazer com que cada funcionário beneficie de 35 horas de formação por ano. Desejamos também contribuir para o desenvolvimento sócio-econômico local, favorecendo a inserção de jovens. Com essa finalidade, propomos estágios e contratos de aprendizagem, dentre os quais desejamos que 5% venham a integrar a força de trabalho de global.

 

Além disso, temos o forte compromisso de preservar a nossa diversidade e lutar contra todas as formas de discriminação, favorecendo particularmente a igualdade profissional entre homens e mulheres, assim como a integração profissional de pessoas em situação de deficiência.

 

Finalmente, assumimos o compromisso de manter e enriquecer um diálogo social dinâmico e construtivo com as instâncias que representam os funcionários.

 

Produzir uma energia confiável e responsável

Nosso posicionamento nos territórios insulares nos impõe um alto nível de exigência quanto à qualidade e à continuidade da nossa produção de energia. Envidamos esforços permanentes para manter uma taxa excepcionalmente baixa de faltas não planejadas nas nossas instalações. Nosso objetivo: manter uma taxa média de disponibilidade anual entre 90 e 92%.

 

Por outro lado, estamos conscientes dos desafios climáticos com os quais estamos hoje confrontados, e a minimização do impacto das nossas atividades sobre as populações e os ecosistemas é uma preocupação central, principalmente no que se refere às nossas emissões para a atmosfera.

 

O nosso próximo desafio será aumentar a parte da nossa produção proveniente de fontes renováveis para desenvolver uma energia que emita menos carbono. A nossa primeira unidade de produção térmica 100% biomassa (bagaço/madeira) deve ter início em 2015 com o projeto Galion 2 na Martinica. Pensamos estar aptos a aumentar a parte da nossa produção proveniente de fontes renovávels de 1/3 (2012) a 2/3 num prazo de 10 anos.

 

Ser um parceiro de referência no setor agroindustrial

Nosso modelo econômico se baseia em parcerias de longa data com protagonistas no setor agroindustrial. A iniciativa vencedor-vencedor repousa sobre um intercâmbio entre o Grupo e o setor agroindustrial. Assim, em troca do bagaço fornecido, os industriais do açúcar recebem o vapor à baixa pressão e a eletricidade necessários para o funcionamento das suas instalações.

 

Nosso modelo nos permite também valorizar os nossos próprios sub-produtos, tais como os digestatos provenientes de metanização que são devolvidos aos agricultores sob a forma de digestatos naturais.

 

Ser um protagonista do dinamismo econômica e social dos territórios

A nossa implantação territorial nos permite contribuir de diversas formas para o dinamismo local: criação de empregos não deslocáveis direta e indiretamente, papel fulcral na transição energética dos territórios onde estamos implantados. O diálogo com as partes interessadas locais é permanente: é para nós uma forma essencial de identificar zonas onde pode ocorrer melhoria e inovação, assim como estabelecer parcerias proveitosas a todos os níveis.

 

demarche_responsable_contenu